Choques

Por em 25, maio 2015
SITE 2

Quando você pensa que não pode fazer nada…

Escrito por Denison Moura, pastor da Igreja Adventista Luso Brasileira de Nova Iorque e diretor do Ministério de Língua Portuguesa na América do Norte

Eu não sei se é só comigo, mas é engraçado como isto acontece. Eu tomo choque em quase tudo o que encosto, seja em maçanetas, porta de carro, computador, carrinho de supermercado, aparelhos de ginástica, porta de geladeira e, inclusive, em pessoas. O estranho é que esses choques ocorrem normalmente no inverno.

A explicação que encontrei para tal “fenômeno” é o que acontece no ar. No inverno, ele fica mais seco por influência do ar polar que se torna mais predominante. Esse ar que vem dos polos elimina a umidade (água), o que diminui a intensidade das cargas negativas e positivas das moléculas. Quando o ar está úmido, a carga elétrica das moléculas de água ajuda a eliminar o excesso da carga de outro objeto que entre em contato com ele. Se tornando seco, a carga elétrica no ar diminui e, consequentemente, não consegue eliminar a carga dos objetos, no caso, o meu corpo. Quando toco em um objeto condutor de eletricidade, a reação acontece e, normalmente, quem sente o choque sou eu. Fato que eu não gosto nem um pouco. E parece que não há nada que eu possa fazer. Será?

O fato de o meu corpo estar carregado de energia indica que estou acumulando mais do que consumindo. O sedentarismo contribui para isso. O tipo de roupa que usamos também. Boa parte da energia do corpo é conservada nas extremidades (mãos, pés e pele). Por isso recomenda-se andar descalço na terra, porque ela conduz energia. Só que no inverno, quem faz isso? As atividades físicas podem ser uma solução. Elas ajudam a eliminar água do corpo, movimentar os músculos e transformar a energia acumulada em metabolismo. Alongamento também contribui muito.

Creio que sempre haverá algo a ser feito. Inclusive na vida espiritual. Jesus disse: “Sem Mim, nada podeis fazer”(João 15:5). A realidade da vida é tão ampla que está além do nosso controle. Pequenos detalhes podem gerar uma grande diferença e, muitas vezes, vivemos como se estivéssemos tomando choque. Não gostamos, mas também não fazemos nada para mudar isso. Jesus lidou com a vida e com a morte e foi vencedor em ambas. Podemos viver levando choques por aí, achando que não há nada a ser feito, ou podemos até agir, pensando que uma única atitude mudará toda a situação. A boa notícia é que eu posso me ligar a Cristo. NEle está a fonte de energia para me consumir e renovar, não importa a estação.

 

Sobre Vanessa Moraes

Vanessa Moraes é jornalista da Seven Editora, empresa que publica as revistas Mais Destaque e Desbravar. Formada pelo Unasp campus Engenheiro Coelho, trabalhou na instituição como assessora de comunicação e também tem formação técnica em rádio e TV. Devoradora de livros, é apaixonada pelo seu trabalho e pretende mostrar Deus às pessoas através dele. Gosta de cantar e não perde a oportunidade de tomar aquele suquinho de laranja natural.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>